Como Enfrentar as Dificuldades

Marcado: , , , ,

 

provas_espiacoes

Que os obstáculos fazem parte da vida todos sabem, porém, quando essas situações nos atingem diretamente de alguma forma, o sentimento de medo e insegurança aumentam, ganhando espaço. Muitas vezes se torna difícil entender o real motivo e saber como enfrentar essas dificuldades.

E como as provas e expiações podem ser explicadas pelo Espiritismo? De acordo com os princípios da Doutrina Espírita, a dor não significa uma punição ou castigo de Deus, mas uma oportunidade para a evolução espiritual daqueles que a enfrentam com coragem.

A partir de uma visão de um Deus misericordioso e não punitivo essa jornada evolutiva que respeita a Lei de Causa e Efeito do universo, ganha um novo sentido, abrindo os horizontes. As dificuldades de hoje podem ser explicadas por más escolhas do passado, de acordo com o livre arbítrio de cada um.

A luz do conhecimento espiritual reforça a importância de fazermos a nossa parte com perseverança, sem deixar que o desânimo abata as forças interiores. Emmanuel pela psicografia de Chico Xavier lembra em uma de suas mensagens inesquecíveis que os momentos difíceis passarão, porque tudo passa: “Dias de tristeza… Dias de felicidade… São lições necessárias que na Terra, passam,deixando no espírito imortal as experiências acumuladas”.

Sem esquecer que a Terra é um planeta de provas e expiações, no qual vivem espíritos necessitados de vencer suas imperfeições morais. Nesta caminhada, a reencarnação representa uma necessidade para a evolução.

Dentro dos princípios da Lei do Progresso, sempre há tempo de reparar o mal com o bem, construindo um novo caminho. Todos desejam a felicidade, mas para encontrá-la é preciso trabalhar os valores do espírito. As provas e expiações fazem parte do aprimoramento, mas cabe a cada um saber enfrentar com sabedoria as aflições que surgem pelo caminho. Nos ensinou Jesus: “Bem aventurados os aflitos, pois que serão consolados”.

Sugestões de leitura

O Céu e o Inferno: Para que sejam responsáveis, é preciso que sejam livres para escolher entre o bem e o mal. Sem livre-arbítrio há fatalidade, e com a fatalidade não haveria responsabilidade.

A Quarta Cruz: A Quarta Cruz é um convite ao questionamento, afinal ela poderia ter sido a minha, sua história ou a de qualquer um; imaginária, real ou simbólica.

DVD Desafios e Soluções: Nesta série de 9 programas, o psicólogo Mario Mas explica como mudanças comportamentais simples podem alterar, radicalmente, a nossa vida.

Psicólogo Adão Nonato fala sobre as dificuldades da vida no programa Alma Querida

 

Gostou? Compartilhe com seus amigos:

One Comment

  1. Hosting Deutschland

    Adorei o texto. Me deu uma outra visao da vida. E com certeza, vou conseguir superar essa dificuldade pela qual estou passando. Parabens!!!! Como mencionei, o texto e otimo.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado e nem divulgado. Campos obrigatórios estão marcados com o asterisco (*).